O CORPO EM OFF 


A partir da sua experiência diária, a psicoterapeuta hospitalar contrapõe o corpo-organismo, que habita o discurso médico‑científico e psicológico ao da subjetividade, do corpo em off, desligado do “circuito dos especialismos” e aposta na criação de modelos de intervenção clínica que sejam facilitadores dos processos de singularização.


          


CRISTINA SURANI MORA CAPOBIANCO

Cristina Surani Mora Capobianco nasceu em Montevidéu. Viveu em Buenos Aires até 1973, e desde 1974 mora em São Paulo. Especializou-se em psicanálise pelo Instituto Sedes Sapientiae. Mestra em psicologia pela PUC-SP, trabalhou em vários hospitais desde 1982 (Humberto I, Darcy Vargas e no setor de Gastroenterologia do Departamento de Pediatria do Hospital São Paulo). Atualmente, é coordenadora do setor de Saúde Mental do Núcleo de Assistência à Saúde do Funcionário da Unifesp e assessora da reitoria nos projetos de educação para filhos de funcionários.